segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

João Calvino - Pai e Filho


Calvino, seguindo a interpretação de Agostinho (354-430), escreve: "Cristo, com respeito a si mesmo, é chamado de Deus, e em relação ao Pai é chamado Filho. Assim, o Pai, com respeito a si mesmo, é chamado Deus, e em relação ao Filho se chama Pai. Enquanto em relação ao Filho é chamado Pai, ele não é Filho; da mesma forma o Filho, com respeito ao Pai, não é Pai. Mas, enquanto que o Pai, com respeito a si mesmo, é chamado Deus, e o Filho, com respeito a si mesmo, é também chamado Deus, trata-se do mesmo Deus. Assim quando falamos do Filho simplesmente sem relação com o Pai, afirmamos reta e propriamente que tem seu ser de si mesmo; e por esta causa o chamamos único princípio; porém quando nos referimos à relação que tem com o Pai, com razão dizemos que o Pai é princípio do Filho".

Fonte: As Institutas