quarta-feira, 22 de outubro de 2014

John Frame - Decreto, preceito e sabedoria


Deus nos orienta por meio dos seus decretos, da sua Palavra escrita e da sabedoria dada pelo Espírito. Por meio dos seus decretos, ele abre e fecha portas, dando-nos algumas oportunidades e retirando outras, mas essas circunstâncias de nossa vida não nos dizem, por si mesmas, como devemos agir. Pela Escritura, ele nos diz o que quer fazer, mostrando-nos como responder a essas circunstâncias. Pela sabedoria dada pelo Espírito, Deus nos capacita a aplicar a Escritura às circunstâncias.

------------------

Estas três categorias – decreto, preceito e sabedoria – estão perspectivamente relacionadas. Deus decreta agir segundo seus preceitos e sua sabedoria. Seus preceitos incluem o ensino de que devemos nos curvar diante dos decretos soberanos de Deus e buscar sua sabedoria. E sua sabedoria é revelada tanto nos seus decretos quanto na sua Palavra. Em termos da estrutura tríplice tradicional da minha teologia do senhorio, o decreto é situacional, o preceito é normativo e a sabedoria é existencial.

Fonte: Trechos de “A doutrina de Deus” da Editora Cultura Cristã.